LARANJO.png

BLOG

OFICIAL

perfil.png

Você pode entrar ou cadastrar uma conta no botão ao lado para interagir com os posts!

Liderança 360

Por: Marco Fabossi (*)

Num grande aquário, havia peixes de vários tipos e tamanhos. Na parte de cima do aquário, estavam os peixes grandes, que eram os primeiros a se alimentar quando a comida caía na água, e por isso, estavam sempre satisfeitos.

Na parte intermediária do aquário ficavam os peixes médios, que se alimentavam daquilo que os peixes grandes não comiam, e apesar de não haver comida suficiente para que pudessem ficar grandes, eles se sentiam satisfeitos.

Finalmente, na parte de baixo estavam os pequenos peixes, onde a comida que lhes sobrava era suficiente apenas para mantê-los vivos.

Nesse espaço, havia um peixinho que, inconformado com a situação, começou a nadar por todo o aquário na esperança de encontrar algo que o ajudasse a mudar aquele quadro. Um dia, ele encontrou um pequeno buraco por onde entrou para ver aonde o levaria, e encontrou um fio de água que o levou a um ralo, do ralo ele caiu em um encanamento, que finalmente o levou a um rio. Era um lugar maravilhoso; não faltava comida e tinha espaço suficiente para nadar.

O peixinho, então, pensou em seus amigos do aquário e resolveu fazer o caminho de volta para contar sobre esse lugar maravilhoso. Quando chegou ao aquário e falou sobre o que havia encontrado, todos ficaram curiosos e conversaram sobre o que deveriam fazer. Foi quando o peixinho sugeriu:

– Bem, os peixes grandes da parte de cima terão de vir para a parte de baixo, para perderem peso e assim poderem passar pelo pequeno buraco. Os peixes do meio deverão se alimentar menos, para perder um pouco mais de peso. Já os peixes de baixo, deverão alimentar-se um pouco mais para ganhar força e energia para seguir viagem.

Depois de muita discussão, os peixes grandes e médios disseram:

– Decidimos não arriscar. Preferimos ficar por aqui!

O peixinho então, triste, viajou novamente pelo pequeno buraco e chegou ao rio, onde encontrou novos amigos, e um lugar muito melhor para viver.

Nesta simples fábula, podemos encontrar preciosas lições de liderança:

• Liderança é uma escolha: Liderança é uma escolha e não uma posição, cadeira, sala ou crachá. Não é preciso ser chefe para influenciar as pessoas, portanto, as influencie e inspire de onde e aonde você estiver, buscando fazer o seu melhor;

• Nem sempre as melhores ideias vêm do topo: Alguns líderes sofrem da “Síndrome do Divino”, e acham que só eles são capazes de ter boas deias e que têm sempre as melhores respostas. Quanto maior o “estoque de conhecimento” (a soma do conhecimento de todos), maiores as chances de resolução de problemas e surgimento de boas ideias. Portanto, ao escutar (verdadeiramente) as sugestões e ideias da equipe, o líder aumenta exponencialmente o nível de comprometimento e engajamento das pessoas e a possibilidade de resolução de problemas;

• Não existe evolução sem mudança: Pode até ser que algumas mudanças não tragam evolução, mas sem mudanças nada evolui. Em liderança, é preciso ter coragem para desafiar o status-quo e conduzir as pessoas no caminho da criatividade, da inovação e das mudanças, caso contrário, teremos um enorme passado pela frente;

• Líder é agente de mudança: Não reclame do ambiente, mude-o. Uma das principais características de um líder é o protagonismo. Líder não é alguém que vive reclamando do ambiente ou das situações, mas aquele que trabalha para melhorá-los. Se você não está feliz com alguma coisa, faça algo para influenciá-la e melhorá-la e, se, por fim, ainda estiver insatisfeito, em vez de reclamar, mude para um lugar melhor.

Nosso presente é consequência do que fizemos (ou não fizemos) no passado, assim como nosso futuro será determinado (se não totalmente, pelo menos boa parte dele) pelo que fizermos no presente. Portanto, trabalhe no presente para construir um futuro melhor, para você, e para todos os que estiverem ao seu redor, ou seja, lidere 360!

Aproveitando a oportunidade, gostaria de pedir sua ajuda em responder um questionário sobre “Liderança e Confiança”, que será utilizado em meu novo livro sobre o tema. São apenas 5 minutos. Basta clicar no link a seguir. Desde já, muito obrigado!

Um Grande Abraço,

(*) Marco Fabossi é Conferencista, Escritor, Consultor, Coach Executivo e Coach de Equipe, com foco em Liderança. Sócio-diretor da Crescimentum – Alta Performance em Liderança, que tem como missão: “ Construir um mundo melhor, transformando pessoas em líderes extraordinários“.

#evolução #ideias #liderança

0 visualização0 comentário